quarta-feira, 9 de setembro de 2009

Vendedor de Caranguejo do baiano Gordurinha

Em Ajuruteua, baixou o
forrozeiro Ari Lobo
...eu perdi a mocidade
com os pés sujos de lama
eu fiquei analfabeto
mas meus filho criou fama
pelos gosto dos menino
pelo gosto da mulher
eu já ia descansar
não sujava mais os pé

os bichinho tão criado
satisfiz o meu desejo
eu podia descansar
mas continuo vendendo caranguejo

11 comentários:

andré abreu disse...

só lembro desses carangos no tucupí doutor!!!

andré abreu disse...

foram Três dias bem "BEBIDOS" ...rsrsr

abs

J.BOSCO disse...

hahahaha...isso mesmo mestre cuca André!!
três dias no tucupi!!
Dá-lhe Ari lobo...
abs

papistar_nunes disse...

Bosco querido preciso do teu email e telefones. Manda para meu email tá? papistar5@hotmail.com

Bjsssssss

J.BOSCO disse...

Papistar querida,mandarei já já!
bjs

Waldez disse...

eita mais é muita bóiacumpadi. manda uns pra casa.

Waldez disse...

...Tem caranguejo
tem gordo guaiamum
cada corda de dez
eu dou mais um
eu dou mais um
eu dou mais um
cada corda de dez
eu dou mais um...

Conheço na voz de zé ramalho.
beleza!!

J.BOSCO disse...

mestre Waldez, quem eternizou está letra de Gordurinha, foi o forrozeiro paraense Ari Lobo, que por sinal, o Brasil faz questão de esquecer, pode??
abs

Waldez disse...

realmente isso é triste jb.

André disse...

fala doutor!!! já viu a materia da VOZ..??

beleza, já vibrei mais do que esse jogo da seleção...rsrsrs que por sinal não estou nem vendo, só ouvindo de longe..rsrsr

abs

GORDURINHA NETO disse...

pior que esquceram de gordurinha,um grande compositor que fez chiclte com banana,vendedor de carangueijo,suplica cearense,baiano burro nasce morto,pau de arara e a vovozinha,ntre outras
acesse o blog de meu avo
gordurinhaneto.blogspot.com
vendedor de carangueijo com gordurinha nao tem melhor