terça-feira, 28 de julho de 2009

A guerra é produto da paz


11 comentários:

andré abreu disse...

ótimos cartuns!!!

hoje só no caldo!!!...rsrsr

abs

Waldez disse...

os cartuns estão bons mesmo, isso que chamo de suar nas férias...

J.BOSCO disse...

Só no cardote, meu nobre amigo mestre cuca André Abreu!!
Curtiu bastante o niver da doutora Darlene!
abraços

J.BOSCO disse...

Mestre Waldez, o cartum tá no sangue, se não tiver correndo nas veias, não adianta forçar, que não sai nada...rsss
Você sabe disso muito bem.
abraços

Movimento Cultural de Penápolis disse...

Oi J.Bosco
Bem legal esses dois cartuns!

J.BOSCO disse...

Valeu amigo Reinaldo Cozer,sua visão sobre cartuns e charges são inteligentes!
abraços

Waldez disse...

quanto aos similares, o do cara sentado na costa do negro eu fiz primeiro, vou procurar o segundo, tu tem algum por lá???

Waldez disse...

sim achei o segundo similar é o do militar cheirando a pomba da paz a unica semelhança é o comportamento os finais mudam. se trocam as peças ai não é igual! certo, camisa de força?????

Diego Novaes disse...

Grande Boscasso, excelentes cartuns, rapaz!

Abração!!!

J.BOSCO disse...

Valeu meu nobre amigo Diego Novaes!!
abraços

Allana disse...

muito bem bolados.