sábado, 18 de julho de 2009

Abílio Pacheco, antologia literária cidade

Boa tarde! Recentemente recebi o comunicado sobre minha admissão como membro correspondente da Academia de Letras do Sul e Sudeste Paraense, cuja presidência é do sr. João Brasil Monteiro. Gostaria de compartilhar com você esta minha alegria: Cheguei a Marabá com 7 anos. Antes morava em Coroatá-MA. A terra mesopotâmica do sol (como a chama Ademir Braz, o pagão, poeta dos bons) era para mim um objeto de apreensão e de desejo. Os motivos são vários, mas refuto dizer algum agora. De todo modo, considero esta admissão uma outorga, um reconhecimento para o trabalho literário que tenho tentado desenvolver. Não creio que (ainda) mereça tal reconhecimento, mas como ele veio não posso negá-lo, afinal os confrades da academia (especialmente os que conheço pessoalmente) são pessoas que estão em minha mais alta conta e sei que devo confiar no julgamento deles. Em meio a tantas outras coisas, o meu ingresso na Universidade Federal do Pará - Campus Bragança (dia 17 de junho), a admissão na academia e a organização da Antologia Literária Cidade são novas dignas de nota para mim e as quais gostaria de compartilhar com você. Aproveito para reforçar meu desejo de boas férias! Saudações e saudações Literárias!! Abilio Pacheco

Um comentário:

mario disse...

Fico muito feliz de estar fazendo parte desta Antologia do amigo, que ainda não conheci pessoalmente, mas o conheço pela internet, em varios sites, inclusive um da Universidade do Para. Abraços do Josemar.